8 de março de 2011

L U A

Se for a lua apenas esse disco tolo
(Imagem em thehelplessdancer.wordpress.com.)
A iluminar as noites dos poetas
E dos boêmios
Ou mesmo o opaco corpo celeste
De interesse limitado para astrônomos
E lunáticos
Esta lua refletida na flor d’água
Do rio largo que lava a charqueada
Não existe
É apenas uma ilusão de ótica
Sobretudo se observada
Por detrás do corpo solar onde me escondo



Nenhum comentário:

Postar um comentário