22 de abril de 2011

PENSAMENTOS BEM PENSADOS III (ESSE TROÇO NÃO TEM FIM?)


Em anseiosdaalma-etc.
blogspot.com.

Aí vão mais alguns “pensamentos bem pensados”. Acho que daqui mais um pouco poderei enfeixá-los num livro como O livro vermelho, do glorioso Mao Tsé-Tung, ou O livro vermelho dos pensamentos do Millôr, de Millôr Fernandes, ou Máximas, pensamentos e reflexões, do renomado Marquês de Maricá, ou mesmo Palavras essenciais, do mago magro Paulo Coelho. Nunca se sabe! Desgraça pouca é bobagem.


A – FILOSOFIA POPULAR E CONSELHOS GRÁTIS
1.      Marítimo, quando bebe muito, fica mais na água que os demais bebuns?
2.      A situação anda tão esquisita, que deu cupim n'O Último Pau-de-arara.
3.      Trocar o certo pelo duvidoso pode, às vezes, até dar certo, mas será sempre duvidoso.
4.      O primeiro sinal de que algo arriscado que você esteja fazendo não vai dar certo é quando começa parecendo que vai dar certo.
B – POLÍTICA E SOCIEDADE
5.      O Brasil é um país de dimensões sentimentais. Nós nos achamos os maiores em tudo, até em falcatruas e rapinagens.
6.      O político que promete ao povo, antes da eleição, que fará algo por ele e, depois, só faz o povo de palhaço pode considerar que cumpriu sua promessa, pelo menos em parte?
7.      A política educacional brasileira anda tão deseducacional, que já está formando analfabetos a nível municipal, estadual e, por que não dizer, federal.
C - COMPORTAMENTO
8.      Folheava, na banca de jornal, revista em que a repórter jovem e loura elogiava o lado sedutor de Carlinhos Brown, que jogou charme o tempo todo para ela, durante a entrevista. Se ele não fosse a personalidade que é, certamente seria taxado apenas de afrodescendentezinho folgado: “Veja lá se eu te dou confiança?!”.
9.      Um dos mitos urbanos, suburbanos e rurais mais badalados é o tal do orgasmo múltiplo, espécie de trevo de quatro folhas, um troço que dizem que existe, mas que ninguém conseguiu atingir, salvo os mentirosos recalcitrantes.
D – HISTÓRIA, LITERATURA E ARTES EM GERAL
10.  Dalton Trevisan, o Vampiro de Curitiba, escreve sempre sobre os mesmos temas, as mesmas personagens e a mesma cidade, mas com tal criatividade de linguagem, que um só miniconto seu vale mais do que toda a obra de certos arrecadadores de direitos autorais que andam por aí.
11.  Karl Marx, quando escreveu Das Kapital, andava muito descapitalizado e só se tornou comunista depois de escrever o Manifesto do Partido Comunista em parceria com Friederich Engels. Porque, se escrevesse sozinho, seria individualista. Antes disto, ele era tão somente karlista e não marxista.
12.  Quando um escritor diz, metaforicamente, que seu último livro foi um parto difícil, não sabe o que é ser mãe de uma ninhada de porco-espinho.
E – CARNAVAL
13.  No carnaval da Bahia, o trio elétrico percorre o longo circuito Barra-Ondina; no carnaval de Minas Gerais, o curto-circuito é que percorre o trio elétrico.
E1 – CARNAVAL E RELIGIÃO
14.  No retiro do centro espírita, durante o último carnaval, apareceu tanto espírito desacorçoado, que dava para fazer um bloco de sujo, ou melhor, um bloco de ectoplasmas diáfanos.
F – RELIGIÃO E CRENDICES EM GERAL
15.  Quando chegar o final dos tempos, quero só ver como ficará esse pessoal que ganha a vida alardeando o final dos tempos. Vai ficar sem seu ganha-pão.
16.  O primeiro ser humano Deus fez do barro. O segundo, de um osso da costela. Já Paulo Maluf foi feito de Eucatex. Por isso é que ele não consegue ser o maior cara de pau do país. Mas faz um esforço danado!
17.  Será que as pessoas vazias estão mais propensas às possessões demoníacas ou às incorporações espirituais de toda sorte do que as pessoas cheias de si?
G – ATUALIDADES, ESPORTES E PERSONALIDADES INFLUENTES
18.  Ninguém, em sã consciência, aceita, de livre e espontânea vontade, ser goleiro de time de várzea. Isto é sempre o que sobra para o perna-de-pau.
19.  A despeito do que as torcidas dos clubes de futebol dizem das mães dos juízes durante as partidas, algumas, senão a maioria, são senhoras de ilibada reputação. Às vezes, seus filhos é que não fazem por merecê-las.
20.  Se o Botafogo não fosse esta centenária instituição admirável do desporto nacional, porém regida por superstições, mandingas e despachos, certamente poderia ser uma promissora casa de orixás.
H – MOMENTO ÍNTIMO, IMPRESSÕES PESSOAIS OU FRESCURAS MESMO
21.  Há algum tempo, parei de dar boas referências de minha sogra: uns julgavam que eu estava troçando; outros, que eu era um mentiroso desavergonhado. Agora minto sobre ela, que continua a mesma pessoa adorável de antes, mas todos me levam a sério. Que sina a da sogra!
22.  Certa vez, meu pequeno sobrinho-neto, ao responder a uma pergunta minha, disse que “um dia, ficou mais de um mês” sem ver seus avós, o que comprova que o tempo é uma medida meramente psicológica, com muito pouca relação com o calendário.
23.  Nunca aceitei convites para associar-me a sociedades secretas. Se são secretas, não venham querer mostrar-me seus segredos.

2 comentários:

  1. Excelente ! Só um adendo: se o Botafogo virasse uam casa de orixás, os pobre iam viver sobressaltados e deprimidos. Como nós, amado mestre.

    ResponderExcluir